:: Parceiros ::

:: Nossa história ::
Sede antiga da ANDEF
Desde 1981, a ANDEF luta pela valorização das pessoas portadoras de deficiências

:: Educação ::

:: Confraternização ::

:: Futebol ::

Enfaixamento do coto de amputação

por Ana Paula Alves (Fisioterapeuta da Andef)

É uma técnica realizada após a remoção dos pontos cirúrgicos do coto de amputação. São utilizadas faixas elásticas compressivas, com necessidade em cotos longos de costurar duas a três faixas. Traz benefícios como melhora da circulação, diminuição do edema (inchaço) na ponta do coto, além de mantê-lo protegido.

ENFAIXAMENTO NA AMPUTAÇÃO TRANSTIBIAL - PERNA

O início do enfaixamento deve ocorrer a partir da ponta do coto com pressão maior nesta região, o restante deve ser coberto em diagonais ao longo do coto, aliviando a pressão.

Cuidado!

· Se sentir formigamento ou pontos de grande pressão, a faixa pode estar muito apertada. Retire a faixa e refaça o enfaixamento.

· Se sentir coceira ou observar pontos avermelhados no coto, observe se a faixa está limpa ou coloque por baixo uma meia fina.

Dicas!

· O enfaixamento pode ser retirado de duas em duas horas. Nos primeiros momentos de adaptação, mantenha o coto sem faixa em um período mínimo de 15 minutos, e então refaça o enfaixamento.

· Até se acostumar, não há necessidade de dormir com a faixa. Ao acordar, refaça o enfaixamento.

· Todos os dias antes de enfaixar ou no momento de refazer o enfaixamento, observe a pele do seu coto e a região da cicatriz, observando presença de áreas avermelhadas ou feridas. INSPECIONE SEMPRE SEU COTO.

· Observe se as faixas estão limpas, principalmente, se você mora em um lugar muito quente. Lave as meias pelo menos uma vez por mês.

· Inspecione se a costura que une as faixas está em contato direto com a pele. Coloque-a para cima, para que não aconteça lesão de pele. SE VOCÊ TEM DIMINUIÇÃO DE SENSIBILIDADE, CUIDADO COM COSTURAS DIRETO NO COTO.

· Observe se o enfaixamento está correto quanto à pressão, que deve ter maior pressão distal (ponta do coto), aliviando a proximal.

Se você apresentar dúvidas quanto ao enfaixamento procure seu fisioterapeuta. Realizar corretamente e diariamente a técnica de enfaixar é muito importante para a saúde do seu coto, além de prepará-lo para a futura protetização.

Confira passo-a-passo

1 - Inicie o enfaixamento da ponta do coto para cima.


2 - Suba em diagonais com pressão distal, aliviando para proximal.

3 - Desça em diagonal com pressão maior distal aliviando para proximal.

4 - Não volte sempre à ponta do coto. Vá construindo diagonais e aliviando a pressão.

5 - O enfaixamento deve terminar próximo a articulação acima da amputação, com pressão maior nesta área.


......................................................................................................
:: Voltar :: :: Home ::
——————————————————————————


Notícias